Sindusfarma

2018-12-05

No Sindusfarma, Anvisa faz balanço sobre projeto que facilita importações

Em encontro promovido pelo Sindusfarma e a Abihpec, a Gerência-Geral de Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados (GGPAF/Anvisa) detalhou os resultados do Projeto de Facilitação ao Comércio Exterior (PFCE), voltado para a melhoria da gestão do processo de Anuência de Importação, iniciado em março de 2018. O evento teve lugar no auditório da entidade, nesta quarta-feira (5).
 
Marcus Aurélio (GGPAF/Anvisa) fala no encontro, ladeado por Nóbrega, Rosana e Gláucia 

O gerente-geral da GGPAF, Marcus Aurélio Miranda de Araújo, e a gerente da Gerência de Controle Sanitário de Produtos e Empresas em Portos, Aeroportos, Fronteiras e Recintos Alfandegados (GCPAF), Glaucia Ribeiro de Lima,  apresentaram dados comparativos, antes e depois da implementação do novo processo, que demonstram a melhoria dos prazos médios de liberação de produtos nos principais portos e aeroportos do país. Um dos problemas levantados na fase de avaliação do Projeto foi o desconhecimento da GGPAF a respeito dos processos de análise de cada posto. Por isso, uma das principais alterações propostas no novo modelo é o sistema “PAF Virtual”, no qual uma equipe centralizada é responsável pela avaliação dos processos de todos os postos do país, o que confere padronização às análises. Ao mesmo tempo, a GGPAF foi reestruturada, para melhorar o controle e o monitoramento do processo.
 
Marcus Miranda mostrou o Portal Analítico da Anvisa e suas funcionalidades para o monitoramento dos prazos de liberação dos produtos por “PAF Virtual”, acessível no link: http://portalanalitico.anvisa.gov.br/importacao

Desafios
 
A Anvisa está ciente de que ainda existem desafios a serem superados, especialmente os relacionados ao Sistema de Peticionamento Eletrônico, à implementação do Sistema de Gestão de Risco integrado ao Portal Único e ao Operador Econômico Autorizado (OEA).
 
Diante disso, os gerentes da GGPAF falaram dos planos e das perspectivas para 2019, entre eles a continuidade do processo de desburocratização das atividades ligadas à importação e a melhoria do tempo de liberação de cargas e do formulário de Peticionamento Eletrônico de Importação (PEI).

O encontro foi coordenado pela diretora de Assuntos Regulatórios do Sindusfarma, Rosana Mastellaro, e o gerente de Comércio Exterior da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), Ricardo de Nóbrega.