Caso não consiga visualizar esse e-mail, clique aqui. 

 

Workshop:
Tecnologias Potenciais para Utilização em
 Controle de Qualidade de Medicamentos
12 de Setembro de 2016

       Objetivos

Este Workshop tem o objetivo de discutir metodologias de Controle de Qualidade que podem ser aplicáveis a insumos farmacêuticos e medicamentos, como alternativas ou de eleição.

       Quem se destina

Profissionais das áreas de garantia da qualidade, assuntos regulatórios e controle de qualidade e demais pessoas envolvidas em Controle de Qualidade de Insumos e Medicamentos das indústrias farmacêuticas.

       Programa

12 de Setembro de 2016

Horário

Descrição

Ministrante

08h00

Recepção e Credenciamento

08h30

Abertura

Jair Calixto/Nelson Santos

08h45

DRX na Indústria farmacêutica: Ferramenta versátil na solução de problemas

Prof. Javier Ellena

10h00

Coffee Break

10h15

Noções da RMN de Sólidos para o controle de qualidade de medicamentos

Prof. Rosane Aguiar da Silva San Gil

11h00

Noções de espectroscopia Raman e suas aplicações

Prof. Alejandro Ayala

12h00

Almoço

13h30

Noções de espectroscopia no infravermelho próximo (NIR) e suas aplicações

Prof. Alejandro Ayala

14h30

Análise Térmica Aplicada a Fármaco e Medicamentos

Prof. Jivaldo do Rosário Matos

15h30

Coffee Break

 

15h45

Análise Térmica Aplicada a Fármaco e Medicamentos

Prof. Jivaldo do Rosário Matos

16h45

Painel Debates/perguntas e Respostas

 

17h15

Encerramento

Jair Calixto


       Ministrantes

Prof. Alejandro Ayala
Possui graduação em Física - Universidad Nacional de Córdoba (1990) e Doutorado em Física - Universidad Nacional de La Plata (1995). Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq nível 1C. Atualmente Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Física da Universidade Federal do Ceará. Também é membro permanente dos colegiados dos Programas de Pós-graduação em Ciência Farmacêuticas (UFC) e Desenvolvimento e Inovação Tecnológica em Medicamentos (em rede: UFC, UFRN, UFPB, UFRPE). Publicou 162 trabalhos em revistas indexadas (Fator H = 21) e orientou 12 Dissertações de Mestrado e 11 Teses de Doutorado. Tem experiência na área de Física do Estado Sólido, com ênfase nas aplicações em fármacos, atuando principalmente na área de polimorfismo e engenharia de cristais em fármacos.

Prof. Javier Ellena
Gradou-se em física na Universidad Nacional de La Plata em 1993, doutorou-se na mesma instituição na área de cristalografia em 1998. Desde 2002 se desempenha como professor do Instituto de Física de São Carlos da Universidade de São Paulo onde fez a Livre Docência em 2011. Sua principal linha de atuação nos últimos anos tem sido o planejamento, desenvolvimento, obtenção e caracterização de novas formas sólidas de insumos farmacêuticos com propriedades farmacocinéticas e farmacotécnicas aprimoradas. Atualmente coordena o Laboratório Multiusuário de Cristalografia Estrutural do IFSC-USP (o laboratório de cristalografia estrutural mais antigo do país), é pesquisador nível 1C do CNPq, Membro do corpo editor do Crystal Growth and Design Network e atua como revisor de revistas científicas internacionais, consultor ad hoc de instituições governamentais e assessor de diversas instituições e empresas. Tem mais de 310 publicações em revistas indexadas com mais de 2600 citações e possui um índice H de 24. Autor de quatro patentes de invenção de produtos farmacêuticos. Membro da Comissão de Química Estrutural da União Internacional de Cristalografia (IUCr). Coordenador da área de concentração de Química Estrutural da Sociedade Brasileira de Química; é membro do Comitê de Difração de Raios X do Laboratório Nacional de Luz Sincrotron (LNLS). Foi co-organizador do I e II Simpósio Latino Americano de Polimorfismo e Cristalização em Fármacos e Medicamentos (LAPOLC 2007 e LAPOLC 2009). Outras linas de atuação incluem o desenho e caracterização de complexo de coordenação 3D Metalo-organicos (Metalorganic Frameworks, MFO) e o estudo e caracterização de minerais Naturais sendo atualmente vice-coordenador do Centro de Caracterização de Espécies Minerais (http://www.ifsc.usp.br/~emulabram/). Possui também uma ampla experiência em temas muito variados tais como o estudo de Complexos de ligantes quelantes com metais pesados, propriedades catalíticas e biológicas de complexos de coordenação contendo, por exemplo, Ru, Cu, V, Ni, etc. Pesquisa também na área de analise teórico experimental da densidade de carga eletrônica de compostos com atividade biológica. Foi Secretário para Assuntos de Ensino da Associação Brasileira de Cristalografia. Atualmente se desempenha como Vice-presidente do Programa de Pós-graduação do Instituto de Física de São Carlos-USP.

Prof.  Jivaldo do Rosario Matos
Bacharel e Licenciado em Química - FACULDADES OSWALDO CRUZ (1979), mestrado em Química (Química Inorgânica) pela Universidade de São Paulo (1984), doutorado em Química (Química Inorgânica) pela Universidade de São Paulo (1989) e Livre Docência na Área de Química Analítica pelo Instituto de Química-USP em 1998. Professor/pesquisador do IQ-USP desde de 1989, orientador na Pós-Graduação em Química pelo IQ-USP e no Programa de Pós Graduação em Fármacos de Medicamento pela FCF-USP. Atua na área de Química Analítica no campo da análise térmica, explorando as potencialidades e versatilidades das técnicas termoanalíticas (TG/DTG, DTA e DSC) para desenvolver estudos aplicados a vários tipos de materiais. A partir da associação de técnicas termoanalíticas, físico-químicas e analíticas busca a caracterização de materiais diversos. Atua também, no campo da nanociência e nanotecnologia, trabalhando com materiais mesoporosos altamente ordenados, MCM-41, SBA-15, FDU-1, com enfâse nos procedimentos de sínteses, funcionalização de superfície, caracterização e aplicações. Formou cerca de quatro dezenas de alunos como mestre e doutores. Autor de três capítulos de livros, onze patentes e cerca de 130 artigos científicos publicados em periódicos indexados.

Prof.  Rosane Aguiar da Silva San Gil
Química Licenciada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1977), Mestre e Doutor em Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, nas áreas de Físico-química orgânica e catalise orgânica, Professor Titular do Instituto de Química da UFRJ. Membro da Diretoria da Associação de Usuários de RMN (AUREMN). Visitante Sênior dos Laboratórios de RMN de Sólidos do IRC, Lyon, França (2002) e Université Paul Cezanne, Marseille, França (2004, 2006). Coordenadora do Laboratório de RMN de Sólidos (espectrômetro Bruker AvanceIII400) do IQ-UFRJ (2009- presente) e do setor de RMN de Sólidos e RMN multinuclear do Laboratório de RMN em Solução (espectrômetro Bruker DRX300) do IQ-UFRJ (2001- presente). Coordenadora do Grupo de Pesquisa em 'RMN Estrutural e Catálise Orgânica' do Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq. Linhas de pesquisa: Aplicações da RMN de Sólidos na caracterização de polimorfismo em fármacos, catalisadores (óxidos, sílicas funcionalizadas, zeólitas e outros), biomassa, Aplicações da RMN Multinuclear em Solução de Precursores de catalisadores e de Funcionalização de argilas para reações ácido-base, reações de Friedel-Crafts, e produção de biocombustíveis a partir de rejeitos oriundos da industria de café e da industria de óleos comestíveis.

       Data, horário e local

Data: 12 de Setembro de 2016
Horário: 08h00 às 17h00
Local: Sede do Sindusfarma
Endereço: Rua Alvorada nº 1280 - Vila Olímpia
Estacionamentos Conveniados:
VAG PARK -  Rua Casa do Ator, 975
ADONIS -  Rua Caetano Velasco, s/nº
HOTEL TRAVEL INN) – Rua Gomes de Carvalho, 1005
ESTAPAR - Rua Alvorada, 1289

       Informações e inscrições

Contatar: Vanessa Vicente
Telefone: (11) 3897-9779 – e.mail: [email protected]
Serão fornecidos: materiais didáticos e certificado (Será emitido aos participantes que tiverem freqüência mínima de 75%);
Inscrições Somente On line: www.sindusfarma.org.br


       Contribuição de inscrição

Associado: R$ 600,00
Não-associados: R$ 1200,00

       Organização



       Apoio



       CDEC (Crédito de Desenvolvimento e Educação Continuada)

Todos os profissionais que participarem do Programa DEC - SINDUSFARMA receberão créditos educativos denominados  CDEC (Crédito de Desenvolvimento e Educação Continuada).

Estes créditos constarão do certificado de conclusão de curso e do Espaço CDEC que se encontra incluído no site www.sindusfarma.org.br

As informações contidas no sistema serão protegidas, sendo o acesso restrito apenas ao participante e a patrocinadora. Cabe ao participante solicitar, em caso de desligamento o cancelamento do acesso da patrocinadora ao seu banco de dados.

A seguir você encontrará o mecanismo de funcionamento do Sistema de Creditação do Participante:

Uma hora aula = 1 CDEC

CDEC somente será atribuído quando o profissional tem certificado de presença efetiva em: curso, palestra, conferência, seminário, workshop ou congresso. Não se atribui CDEC para estudos não presenciais. 

CDEC,  será caracterizado em três condições: 

CDEC P - Crédito de Desenvolvimento e Educação Continuada Presencial

(1 CDEC por hora-aula)

CDEC A - Crédito de Desenvolvimento Educação Continuada Avaliado                

(2 CDECs por hora-aula)

CDEC D - Crédito de Desenvolvimento e Educação Continuada para Docente     

(3 CDECs por hora-aula)