Empresas em Foco

Compartilhe:
22/02/2021
EMS apoia programa de intercâmbio internacional focado em pesquisa científica

Fonte: EMS

Até o final deste mês, todos os 12 alunos de graduação em Medicina, participantes do FMUSP - Harvard Research Program 2020, estarão de volta ao Brasil após um ano de intercâmbio em pesquisa científica. A EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil, é um dos apoiadores financeiros da iniciativa, criada em 2006 por meio de uma parceria entre a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) e a Harvard University, duas instituições de ensino de excelência e reconhecidas mundialmente. Ao promover a troca de experiências dos estudantes no campo científico e profissional, o FMUSP - Harvard Research Program influencia diretamente na formação médica dos profissionais brasileiros, transformando-os em verdadeiros multiplicadores da metodologia científica e da educação de qualidade na saúde - uma área dotada de inesgotável potencial de mudança para melhoria das condições de vida da população brasileira.

Os alunos, rigorosamente selecionados pela FMUSP, fazem um ano de estágio em laboratórios de pesquisa científica da Harvard University (Harvard Medical School) e, cientes do compromisso e da responsabilidade social, ao retornarem, participam de elaboração de artigos publicados em revistas médicas renomadas. Dentre as diversas áreas contempladas pelo programa estão Cardiologia, Neurologia, Radiologia Pediátrica, Cirurgia e Anestesiologia.

Em 2020, o processo seletivo escolheu 14 alunos para o intercâmbio, sendo que dois adiaram o programa para 2021 devido à pandemia.

Sobre a EMS

A EMS, maior laboratório farmacêutico no Brasil, líder de mercado há 14 anos consecutivos, pertence ao Grupo NC. Com mais de 55 anos de história e mais de cinco mil colaboradores, atua nos segmentos de prescrição médica, genéricos, medicamentos de marca, OTC e hospitalar, fabricando produtos para praticamente todas as áreas da Medicina. Tem presença no mercado norte-americano com a Brace Pharma, empresa com foco em inovação radical, e com a sua controlada Vero Biotech, localizada em Atlanta, Geórgia (EUA), por meio da qual a EMS obteve em 2019 a aprovação de seu primeiro produto revolucionário submetido à FDA (EUA), posicionando o laboratório como uma empresa de inovação no mercado global. A EMS também investe consistentemente em inovação incremental, em genéricos de alta complexidade e é uma das acionistas da Bionovis, de medicamentos biotecnológicos - considerados o futuro da indústria farmacêutica. A empresa possui unidades produtivas em Jaguariúna (SP); em Brasília (DF); em Hortolândia (SP), onde funcionam o complexo industrial, incluindo o Centro de Pesquisa & Desenvolvimento, um dos mais modernos da América Latina, e a unidade totalmente robotizada de embalagem de medicamentos sólidos; e conta também com a Novamed, localizada em Manaus (AM), uma das maiores e mais modernas fábricas de medicamentos sólidos do mundo. A EMS exporta para mais de 40 países e tem, na Itália, o laboratório de pesquisas MonteResearch. A empresa mantém um histórico consistente de iniciativas sociais, culturais, ambientais e esportivas dentro e fora do país como uma forma concreta de também promover saúde e qualidade de vida.

 

Esclarecimento

A área Empresas em Foco publica notícias elaboradas e enviadas pelas empresas filiadas ao Sindusfarma; seu conteúdo é de exclusiva responsabilidade das empresas e não reflete anuência nem posições ou opiniões da entidade.

Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2021