Notícias 

Compartilhe:
01/02/2021
GT do Sindusfarma orienta empresas sobre impacto da LGPD na Farmacovigilância

Um documento recém-lançado pelo Sindusfarma, nas versões português e inglês, aborda o impacto da Lei Geral de Proteção de Dados LGPD) nos processos de Farmacovigilância do setor. O trabalho foi realizado pelo Grupo de Trabalho Farmacovigilância Regional.

De caráter orientativo, o documento analisa as principais interações das disposições legais e a prática cotidiana, na forma de perguntas e respostas, com base na ampla experiência dos integrantes do GT com as questões relacionadas a Farmacovigilância.

“Toda e qualquer empresa poderá adotar critérios internos mais flexíveis ou restritivos que melhor atenda seus interesses, com o objetivo de cumprir com as obrigações contidas na LGPD”, esclarece o trabalho.

O documento “LGPD: Impacto para processos de Farmacovigilância” foi elaborado por: Ana Luiza Torres, Arthur Soares Bueno, Bianca da Silva Bezerra Passos, Carolina Mazzine Said, Gislaine Dib, Itamar de Carvalho Junior, Raquel Simas Mazocolo e Rosana Mastellaro.

  • Clique aqui para ler e baixar a versão em português ou inglês
Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2021