Notícias 

Compartilhe:
02/09/2021
Terapias Avançadas: fórum debate melhores modelos de financiamento

Os melhores modelos para viabilizar no Brasil a oferta sustentável das Terapias Avançadas pelo sistema de saúde público e privado foram debatidos no Fórum realizado pelo Sindusfarma, com apoio institucional da Interfarma, nos dias 31/8, 1º e 2/9, em encontro on-line que reuniu especialistas nacionais e internacionais, parlamentares e autoridades da área da Saúde.

O deputado federal Lucas Redecker, a senadora Mara Gabrilli e o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, participaram do Fórum de Terapias Avançadas

O Fórum também apresentou as novidades sobre conceitos acadêmicos e o desenvolvimento de novos tratamentos e atualizou as experiências dos Centros de Referência e das Associações de Pacientes que lidam com terapias avançadas.

“O custo da judicialização é muito mais elevado do que se a terapia fosse incorporada no SUS”, disse o deputado federal Lucas Redecker, que participou do debate sobre mudanças na legislação para implementar as terapias gênicas, no terceiro dia de evento.

A passos largos

A senadora Mara Gabrilli destacou a evolução das terapias avançadas. “Anos atrás, a maioria dos diagnósticos de doenças graves era fatal, por falta de tratamentos. Avançamos a passos largos, hoje temos as terapias gênicas, as terapias celulares, a engenharia de tecidos, terapias avançadas que jogam luz para um futuro melhor”, disse a senadora. “Mas, infelizmente, os avanços sociais e as políticas públicas não avançam na mesma velocidade da ciência e da medicina”.

Na abertura do Fórum, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, falou do desafio de ampliar o acesso aos medicamentos inovadores. “Temos um grande desafio que é um sistema universal, que tenha sustentabilidade, e nesse sentido a indústria farmacêutica tem papel preponderante” afirmou o ministro. “Discutimos novas formas e modelos de remuneração e gostaríamos de ter a parceria da indústria para compartilharmos riscos e avançarmos dentro das políticas públicas de saúde.”

Conheça os palestrantes e moderadores do Fórum:

  • Adailton Ribeiro, consultor especialista em ATS
  • Ana Cristina Martins, Especialista em Regulação Suplementar na da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
  • André Ballalai, diretor de Global de Pricing & Market Access da IQVIA
  • André Medici, economista sênior do Banco Mundial
  • Ângelo Maiolino, coordenador médico da Associação Brasileira de Hematologia, Hemoterapia e Terapia Celular (ABHH)
  • Antoine Daher, presidente da Federação Brasileira das Associações de Doenças Raras (Febrararas)
  • Aquilas Mendes, professor de economia política da saúde da Faculdade de Saúde Pública da USP
  • Arthur Julião Mascarenhas, da Austral Resseguradora
  • Augusto Guerra, Coordenador do Centro Colaborador do Sistema Único de Saúde para Avaliação de Tecnologias em Saúde da Universidade Federal de Minas Gerais
  • Bruno Abreu, diretor de Mercado e Assuntos Jurídicos do Sindusfarma (Moderador)
  • Catherine Moura da Fonseca Pinto, diretora executiva da Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (Abrale)
  • César Abicalaffe, presidente do Instituto Brasileiro de Valor em Saúde (Moderador)
  • Eduardo Calderari, vice-presidente executivo da Interfarma (Moderador)

  • Edvan Crusoé, hematologista no Hospital Universitário Professor Edgard Santos (Moderador)
  • Gabriela Tannus, sócia sênior da AXIA.BIO Life Sciences International
  • Goldete Priszkulnik, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Auditoria Médica
  • Guilherme Baldo, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
  • Guilherme Silva Julian, diretor de Real-World Insights da IQVIA
  • Jayr Schmidt Filho, chefe do Departamento de Hematologia, Transfusão e Terapia Celular do A.C. Camargo Cancer Center
  • João Batista Silva Junior, gerente da Gerência de Sangue, Tecido, Células e Órgãos da Anvisa
  • Juliana Álvares Teodoro, pesquisadora do Centro Colaborador do SUS
  • Kenneth Hobby, Presidente da CureSMA
  • Lindemberg Assunção Costa, presidente do Instituto Nacional de Assistência Farmacêutica e Farmacoeconomia
  • Louis Garrison, professor adjunto e co-diretor do Programa Global de Medicamentos da University of Washington School of Pharmacy
  • Lucas Redecker, deputado federal
  • Maicon Falavigna, professor adjunto do departamento de epidemiologia clínica e bioestatística da universidade McMaster, Hamilton, Canadá

  • Marco Salvino, coordenador do Programa de Transplante de Medula Óssea do Hospital das Clínicas/UFBA
  • Nelson Teich, ex-Ministro da Saúde (Moderador)
  • Otávio Berwange, diretor da Academic Research Organization do Hospital Israelita Albert Einstein
  • Paulo Roberto Vanderlei Rebello Filho, diretor da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)
  • Renata Curi, especialista em Direito da Saúde (Moderadora)
  • Roberto Giugliani, coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Genética Médica Populacional e professor do Departamento de Genética da UFRGS
  • Romilson Volotão, secretário executivo da Secretaria Executiva da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos da Anvisa
  • Rubens José do Nascimento, secretário-executivo da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBIO/MCTI)
  • Solange Nappo, diretora de Assuntos Regulatórios da Interfarma (Moderadora)
  • Temis Maria Felix, presidente da Sociedade Brasileira de Genética Médica e Genômica
  • Thiago Farina, advogado sanitarista
  • Vanessa Teich, superintendente de economia da saúde do Hospital Israelita Albert Einstein (Moderadora)
  • Vânia Canuto, diretora do Departamento de Gestão e Incorporação de Tecnologias e Inovações em Saúde da Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no Sistema Único de Saúde (Conitec)
  • Wilson Follador, diretor executivo da Sano-Efiko

Notícia atualizada em 03/09/2021

Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2021