Notícias 

Compartilhe:
08/02/2024
Seminário debate ferramenta PBBM para reduzir custos e tempo no desenvolvimento de medicamentos

Com o apoio da Anvisa e sucesso de público, o Sindusfarma promoveu seminário sobre Modelagem Biofarmacêutica baseada em Fisiologia (PBBM). O encontro teve lugar no centro de convenções do Gran Estanplaza Berrini, em São Paulo.

Luiza Borges, da Anvisa, destacou a aplicabilidade da ferramenta PBBM

Especialistas do Sindusfarma, da indústria farmacêutica e da academia esmiuçaram as oportunidades e desafios para o uso da modelagem PBBM na indústria farmacêutica, ferramenta essencial para reduzir custos e tempo nas fases iniciais de desenvolvimento de medicamentos.

“A convite do Sindusfarma, participei do Seminário e explicamos o que é essa ferramenta, em quais situações ela pode ser aplicável, e seu valor para o desenvolvimento farmacêutico e em submissões regulatórias no registro e pós-registro de medicamentos. Também apresentamos estudos de caso, nacionais e internacionais, abordamos as experiências regulatórias e as expectativas - tanto da indústria quanto dos reguladores -, e falamos bastante da parte de modelagem computacional, disse Luiza Borges, especialista em Regulação e Vigilância Sanitária da Anvisa.

"A Modelagem Biofarmacêutica baseada em Fisiologia (PBBM) dá suporte científico para o desenvolvimento farmacotécnico e para os estudos de bioequivalência, de interação e para os estudos pré-clínicos e clínicos. Neste sentido, o Sindusfarma sempre apoiou a implementação de novas tecnologias que tragam maior segurança e viabilizem o desenvolvimento de medicamentos inovadores e similares/genéricos no Brasil, garantindo assim a soberania do país e o acesso à população", destaca Rosana Mastellaro, diretora Técnico Regulatória e de Inovação do Sindusfarma.

Seminário reuniu associados para debater a modelagem PBBM 

Viés educacional

O Seminário Modelagem Biofarmacêutica baseada em Fisiologia (PBBM) foi o primeiro evento do Programa Educacional Sindusfarma (PES) em 2024.

A grade do PES para o ano conta com mais de 50 temas em áreas como Acesso e Precificação, Assuntos Regulatórios, Técnicos e de Inovação; Mercado e aspectos Jurídicos.

 

Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2024