Empresas em Foco

Compartilhe:
10/05/2024
Laboratório Teuto lança medicamento antidiabético
 
O Laboratório Teuto apresenta ao mercado farmacêutico seu novo genérico, a Pioglitazona. Trata-se de um antidiabético indicado juntamente com dieta e exercícios físicos para melhorar o controle da glicemia (níveis de açúcar no sangue) em pacientes com diabetes mellitus tipo II (não insulino-dependente). O cloridrato de pioglitazona está disponível na concentração de 30mg com 30 comprimidos.
 
 
Segundo pesquisa publicada em dezembro no The BMJ, com base em dados do estudo Carga Global de Doenças apontou que a taxa de diabetes tipo 2 entre adolescentes e adultos jovens (de 15 a 39 anos) cresceu 56% em todo o mundo entre 1990 e 2019 — passou de 117 casos a cada 100 mil pessoas para 183 a cada 100 mil. Com essa crescente incidência de diabetes tipo 2, o tratamento se torna determinante para seu combate.
 
Werbete de Oliveira, farmacêutico e analista de treinamento do Teuto, explica como a Pioglitazona pode ser administrado. "Ela é administrada por via oral e pode ser utilizado isoladamente ou em combinação com outros medicamentos para diabetes, como sulfonilureias, metformina ou insulina, principalmente quando a dieta e os exercícios associados ao medicamento não resultarem no controle adequado da glicemia", afirma o farmacêutico.
 
O analista ainda exemplifica como deve ser o acompanhamento da diabetes tipo II. "Este é um tipo de diabetes que geralmente se desenvolve na vida adulta, portanto, requer algumas indicações importantes, como aconselhamento nutricional, redução de peso quando necessário e exercícios. Essas medidas são cruciais não apenas para o tratamento primário do diabetes tipo II, mas também para manter a eficácia do tratamento medicamentoso", complementa o analista.
 
Este medicamento não deve ser utilizado por pessoas com hipersensibilidade à pioglitazona ou a qualquer um dos componentes da fórmula, bem como por indivíduos com histórico atual ou passado de insuficiência cardíaca, doença hepática, cetoacidose diabética, história de câncer de bexiga ou presença de sangue na urina. Além disso, o genérico não deve ser utilizado por gestantes ou por mulheres que estejam amamentando sem orientação médica. A prescrição médica é indispensável para o uso do medicamento.
 
Lançamentos
 
Solução completa em saúde, o Laboratório Teuto, que há mais de sete décadas é sinônimo de qualidade e confiança, alcançou recentemente a marca de 18 produtos considerados como “Medicamentos/Apresentações de referência”. O reconhecimento dos produtos é realizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), que divulga em seu site a lista completa dos medicamentos.
 
Atualmente, a companhia possui mais de 540 produtos registrados entre medicamentos de referência, genéricos, genéricos de marca (similares equivalentes – EQ’s), MIP’s (medicamentos isentos de prescrição), linha de especialidades, que incluiu os biossimilares. Além disso, temos os suplementos alimentares, cosméticos e produtos para a saúde. Nos próximos anos, está programado o lançamento de mais de 250 novas apresentações.
 
Maio/2024
MS. 1.0370.0782 - Pioglitazona 15mg c/ 30 - “Medicamento Genérico – Lei nº 9787-99”.
“PIOGLITAZONA É UM MEDICAMENTO, SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA.
“SE PERSISTEREM OS SINTOMAS O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”
 
Sobre o Teuto
 
Há mais de sete décadas no coração do Brasil, com o mais completo parque farmacêutico da América Latina e solução completa em saúde, o Teuto é referência para o mercado nacional e internacional. A companhia, que é sinônimo de qualidade e confiança, proporciona mais qualidade de vida aos seus fornecedores, colaboradores, clientes, parceiros, pacientes e sociedade, por meio da excelência na pesquisa, desenvolvimento, produção e comercialização de seus produtos, e valoriza a responsabilidade socioambiental, reafirmando que “Se é Teuto, é de confiança”.

 

Esclarecimento

A área Empresas em Foco publica notícias elaboradas e enviadas pelas empresas associadas ao Sindusfarma; seu conteúdo é de exclusiva responsabilidade das empresas e não reflete anuência nem posições ou opiniões da entidade.

Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2024