Notícias 

Compartilhe:
19/12/2022
Cetesb: logística reversa de medicamentos cresce 37.000%

Com um aumento de 37.874% em quatro anos, a logística reversa de medicamentos domiciliares vencidos ou em desuso e suas embalagens, gerenciada pelo Sistema Logmed, registrou a maior taxa de crescimento dentre todos os segmentos econômicos no Estado de São Paulo, de acordo com um levantamento da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb).

O dado foi apresentado pela Cetesb na sexta-feira (16), no encontro “Desafios e Resultados na Gestão de Resíduos Sólidos no Estado de São Paulo de 2019-2022”.

O Sistema Logmed é gerenciado pelo Sindusfarma juntamente com outras 15 entidades do setor farmacêutico.

Brasil

O Sistema LogMed, de Logística Reversa de Medicamentos Domiciliares de Uso Humano, Vencidos ou em Desuso, e suas Embalagens cobre atualmente 26 Estados e o Distrito Federal. 

Em sua primeira etapa de implementação em âmbito nacional, no período de junho de 2021 a outubro de 2022, o Sistema Logmed deu destinação ambientalmente correta a 195 toneladas de medicamentos e suas embalagens.

O Sistema Logmed é fruto de uma parceria do setor farmacêutico com o Ministério do Meio Ambiente, Estados e Municípios, baseada no Decreto Federal nº 10.388/2020 e nas diversas normativas estaduais e municipais que regulam o descarte ambientalmente correto das sobras de medicamentos nas residências.

Voltar
Subir ao Topo

Sindicato da Indústria de Produtos Farmacêuticos

Todos os direitos reservados - Sindusfarma 2021